Celcoin

No 'Lego' da Celcoin, o Pix Indireto é a mais nova peça

Empresa oferece toda a infraestrutura tecnológica e regulatória para negócios que querem oferecer o pagamento instantâneo a seus clientes

A relação de participantes do Pix vem crescendo de forma expressiva nos últimos meses. Atualmente, são mais de 800 instituições que integram o sistema de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central (BC). Esse número deve aumentar porque há mais de 90 companhias em processo de adesão ao sistema, de acordo com os dados disponíveis no site do órgão. A maioria das empresas, aliás, pretende operar como participante indireto. 

Na prática, para acessar o arranjo Pix hoje, é necessário escolher entre ser participante direto ou indireto. No primeiro caso, as instituições se conectam diretamente ao Sistema de Pagamentos Instantâneos (SPI), a infraestrutura de liquidação financeira do Pix. Já os participantes indiretos são aqueles que disponibilizam conta transacional para seus clientes, porém não possuem conexão direta ao SPI. Assim, devem se plugar a um participante direto.

Diferenças entre participante direto VS participante indireto do arranjo Pix

Conforme explica Thiago Zaninotti, CTO da Celcoin, infratech financeira para potencializar negócios, o Pix Indireto permite que fintechs e companhias de diversos setores que querem oferecer Pix a seus clientes possam fazer isso de maneira mais flexível, rápida, econômica e com menos fricção. Isso porque os participantes indiretos têm requisitos de capital mais brandos em relação aos participantes diretos, por exemplo.

Conveniência, desempenho e integração facilitada

Nesse sentido, o executivo conta que a Celcoin está lançando sua solução de Pix Indireto que oferece conveniência, desempenho e integração facilitada. Instituição de pagamento (IP) autorizada pelo BC e participante direta no arranjo Pix, a infratech processa mais de 50 milhões de operações via Pix por mês. Já em relação ao TPV total da empresa, no acumulado do ano, até novembro, a Celcoin transacionou um total de R$ 100 bilhões. 

“Por meio do Pix Indireto da Celcoin, a instituição consegue dar foco para o seu ‘core business’, enquanto cuidamos de toda a infraestrutura tecnológica e regulatória dentro do arranjo Pix”, explica Zaninotti. “Com integração facilitada, alto desempenho e baixa fricção, oferecemos conveniência e flexibilidade para fintechs e empresas não financeiras que apostam no modelo do ‘embedded finance’.”

>> Conheça a solução de Pix Indireto da Celcoin

Os motivos para operar como participante indireto com a Celcoin incluem ainda: 

Operação facilitada de Tesouraria: Celcoin disponibiliza conta que proporciona gestão integral de saldos e extratos, semelhante à conta liquidação do Pix (Conta PI), com piloto próprio de reservas para apoiar o fluxo transacional e a gestão de limites.

Única integração para todo o ciclo de vida: A partir de uma única integração com as nossas APIs de Pix, as empresas podem optar por migrar o seu status de utilizador para um participante indireto e, no futuro, progredir para a participação direta utilizando tecnologia Celcoin. 

Acesso completo ao Pix e Painel de gestão: Por meio da cabine facilitada, a Celcoin permite que a empresa gerencie as operações do Pix, incluindo tratamento de infrações, devoluções, fluxo financeiro e dados estatísticos de sua operação.

Privacidade para as chaves DICT: A Celcoin fornece acesso ao DICT sem ligação com o participante direto, garantindo mais sigilo e proteção das chaves e clientes cadastrados pelas empresas.

Alto desempenho e segurança: A Celcoin disponibiliza uma infraestrutura robusta e exclusiva para seus clientes. Ela inclui tecnologia que escala automaticamente a capacidade e com proteção de dados similar aos sistemas dos grandes incumbentes.

Open Finance: Integração nativa com o diretório Open Finance. Assim, possibilita iniciar Transações de Pagamento (ITP),  compartilhar dados e receber ordens de pagamento dentro do arranjo.

Full Service: Integração com todo o ecossistema de infraestrutura de tecnologia financeira do cel_bricks. Isso facilita a administração e desenvolvimento de produtos financeiros em uma única integração com a Celcoin.

Além disso, o Pix Indireto da Celcoin está integrado com a plataforma de banking as a service (BaaS) da companhia. A partir dessa conexão, a solução possibilita a criação de contas individualizadas ou vinculadas. Tudo vai depender das necessidades de cada cliente, diz Zaninotti. 

Outro diferencial, de acordo com o CTO, é a integração nativa com todo o ‘stack’ de Open Finance. “De maneira facilitada, a empresa já acessa iniciação de pagamentos e tem nosso suporte para atuar como detentora de conta no ecossistema”, afirma o executivo.